TEMPO DE ELEIÇÕES

            Certa vez o coronel Rivaíldes recebeu em sua residência a ilustre visita dos seus bravos amigos correligionários do Partido Trabalhista Social (PTS), para tratar das eleições gerais que se aproximavam. Durante a alegre reunião regada a vinhos e queijos, os membros da diretoria do partido lhe fizeram a seguinte proposta:
         - Coronel, se o nosso partido organizar uma estrutura de apoio e lançar o seu nome como candidato a disputar uma vaga de deputado nas próximas eleições, o senhor disputa?
        Honrado com aquele convite e imbuído do mais sincero espírito cívico, o coronel Rivaíldes respondeu convicto, sem pestanejar:
              - Digo!